terça-feira, outubro 25, 2005

Antiácido contra Maluf

O povo sempre soube (ou pelo menos parte do povo). Mas foi preciso o suposto neo esquecido Paulo Maluf ser preso para fazer o médico de "tão nobre político" (sic), Sérgio Nahas, desconfiar da sanidade mental do paciente-- provavelmente, segundo palavras de Nahas, acometido por uma doença do comportamento que levaria tal sujeito a dizer "coisas sem nexo".

Engraçado, acredito que assim como eu milhares de brasileiros já haviam chegado à tal constatação, mesmo não tenho formação acadêmica em Medicina ou qualquer especialização na área das Ciências Biológicas.

As evidências vinham de muito, muito tempo. Raciocinem comigo: Maluf alegou a vida toda não ter contas bancárias no exterior. Embora pelo menos uma dezena de documentos provasse o contrário.

Outra (essa é clássica): Maluf prometeu enterrar sua carreira política se seu pupilo, Pitta, não fizesse um bom governo. Depois se esqueceu. Isso porque gravações da campanha atestaram a tal declaração.

Esquecimento? Alguma síndrome de "qualquer-coisa"? Ou simplesmente falta de caráter mudara de nome? Ah, se todo distúrbio como o de Maluf pudesse ser tratado com algum balbitúrico qualquer. Faltaria Gardenal a muitos lá no Congresso!!! Tô certa ou tô errada?

;-/

2 comentários:

Diamond Dealer disse...

Tired... been a hard day at work.
Don't waste your time looking for the good stuff.

Visit us at full length porn movies for the best entertainment.

Stela disse...

What the hell is this?

Maldito blogger que não permite bloquear essas tralhas.. ;-(

Tudo bem, vá lá. Até que o tema do post não tá tão longe da sacanagem assim...